Curso de Gerenciamento de Crise e Direitos Humanos Aplicados à Atuação dos Agentes de Segurança

A Escola Judicial do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região – EJUD2 e a Secretaria de Segurança Institucional do TRT da 2ª Região promoverão o CURSO DE GERENCIAMENTO DE CRISE E DIREITOS HUMANOS APLICADOS À ATUAÇÃO DOS AGENTES DE SEGURANÇA, que ocorrerá no Centro de Treinamento de Segurança Judiciária – CTSJ (Unidade Administrativa III).

O evento será realizado no período de 08 a 12/05/2017

Público-Alvo: Agentes de Segurança Judiciária do TRT2, indicados pela Secretaria de Segurança Institucional.

Carga horária: 40 horas-aula

Número de vagas: 35 (trinta e cinco)

Instrutor: Antonio Donizete Ferreira da Silva

Objetivo Geral: Realizar uma abordagem interdisciplinar entre Gerenciamento de Crises e Direitos Humanos de maneira a demonstrar o arcabouço jurídico e conceitual que regulamenta as ações de segurança judiciária na perspectiva de que o cumprimento das normas reflete a aplicação prática dos Direitos Humanos;

Oferecer aos alunos instrumentos teóricos para a realização de intervenções iniciais nos mais variados tipos de crises que podem ocorrer na rotina de segurança judiciária; Diferenciar os diversos tipos de crise e apontar as principais condutas a serem tomadas para resolver a crise, aplicar a lei e salvar vidas;

Objetivo Específico:

Analisar os conceitos que envolvem a crise na contemporaneidade;

Destacar o papel e a importância da doutrina e dos procedimentos de Gerenciamento de Crises;

Analisar criticamente a função dos Agentes de Segurança em cenários de crises;

Delimitar através da exploração de casos práticos a atuação dos Agentes de Segurança;

Demonstrar a hierarquia das Leis e apontar os poderes de aplicação da Lei pelos Agentes de Segurança.

Metodologia de Ensino:

Aula expositiva onde o instrutor atuará não como simples divulgador de informações, mas como orientador de experiências, tutelando a aprendizagem no sentido de possibilitar aos alunos recursos teóricos basilares para a compreensão da doutrina de Gerenciamento de Crises dando ênfase ao desenvolvimento do pensamento reflexivo sobre a atuação dos Agentes de Segurança no cotidiano das unidades judiciais. Será estimulado o debate na sala de aula a cada ponto apresentado.

 

Programação:

Conteúdo Teórico:

Pressupostos e fundamentos dos Direitos Humanos de acordo com a ciência contemporânea nas diversas abordagens epistemológicas. Relação de Direitos Humanos e Direitos Fundamentais com a atuação cotidiana dos Agentes de Segurança. Abordagem interdisciplinar entre Direitos Humanos e as especificidades em relação à doutrina de Gerenciamento de Crises. Aplicar a Lei é aplicar Direitos Humanos. Exposição dos conceitos, classificação, métodos, etapas e delimitação de ações no Gerenciamento de Crises. Levantamentos de dados e análise de casos e de perfis psicológicos de envolvidos em uma crise. Registro e importância das informações. Teatro de operações e ações dos Agentes de Segurança: isolamento do local, estabelecimento de contato (negociação), comunicação e relações públicas. Resolução de uma crise e aplicação da Lei com o objetivo de salvar vidas.

Conteúdo Prático:

Elaboração em duplas, de um plano prático/estratégico para a solução de uma ocorrência apresentada.

 

INSCRIÇÕES -  Os Agentes de Segurança que serão capacitados neste curso serão indicados pela Secretaria de Segurança Institucional.

Esta entrada foi publicada em Eventos Inscrições abertas, Maio/2017. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.