Curso: “Comunicação não-violenta – EAD – 1/2018” (turma piloto)

Inscrições encerradas

A Escola Judicial do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região – EJUD2 – convida os magistrados e servidores ativos do TRT-2 para o curso on-line colaborativo “Comunicação não-violenta – EAD – 1/2018 (turma piloto)” a ser realizado entre os próximos dias 26 de setembro e 30 de outubro de 2018.

Tutoria: Aline Maria de Castro Silva
Público-alvo: magistrados e servidores ativos do TRT-2
Carga horária: 30h
Vagas: 35
Período de inscrições: até 20 de setembro ou enquanto houver vagas.

IMPORTANTE: a carga horária deste curso será averbada somente uma vez, para todos os fins, independentemente de quantas vezes o aluno se matricular e obtiver aprovação.

Objetivo: Apresentar a comunicação não-violenta a magistrados e servidores do TRT-2, possibilitando que aprimorem a habilidade de estabelecer conexões empáticas e harmônicas, tanto no ambiente profissional como no pessoal.

Conteúdo programático:

Unidade 1: CNV – ouvir e falar com o coração

    • O que é a CNV e por que adotá-la
    • O que é empatia e como reconhecer essa capacidade humana
    • A comunicação não verbal e a linguagem do corpo

Unidade 2: O processo da CNV

    • Observar a situação
    • Traduzir o que sente
    • Expressar a sua necessidade
    • Fazer o seu pedido

Unidade 3: Estabelecendo conexões profundas por meio da CNV

    • A responsabilidade pelo que sentimos
    • A violência contra nós mesmos
    • A vulnerabilidade como meio de conexão
    • A discordância empática

Unidade 4 – A CNV na prática

    • A CNV em nossa rotina diária
    • Lidando com pessoas difíceis
    • Relacionamentos pessoais
    • A diferença entre pedir e exigir
    • Por que aplicar a CNV no ambiente de trabalho
    • Lembretes práticos para aplicar a CNV em nosso dia a dia

Metodologia: este é um curso com tutoria. Neste tipo de curso há atividades semanais que serão acompanhadas por um tutor; o conteúdo está organizado em unidades e tudo o que deverá ser lido e realizado está no guia de aprendizagem.

Avaliação: durante o curso há 4 fóruns de discussão, 1 tarefa e, ao final, um questionário de avaliação, cujas pontuações, que totalizam 10 pontos, serão utilizadas para obter a média ponderada. O aluno deverá obter nota final igual ou superior a 6 (seis) para aprovação.

Currículo da tutora: Aline Maria Castro SivaJornalista, mestra em comunicação institucional pela Universidade Metodista de São Paulo, especialista em gestão pública no Poder Judiciário pela Fundação Getúlio Vargas. Desde 2009, exerce o cargo de diretora da SECOM.

Inscrições gratuitas, até o dia 20 de setembro, ou enquanto houver vagas, condicionadas ao recebimento de e-mail de confirmação da Secretaria da Escola Judicial até o dia 25 de setembro.

This entry was posted in EAD, Eventos Inscrições encerradas, Setembro/2018. Bookmark the permalink.